SECRETARIA DE SAÚDE PROMOVERÁ DIA NACIONAL NO COMBATE A SÍFILIS

04/10/2018

Neste sábado, dia 20 de outubro, a Secretaria de Saúde promoverá  o Dia D de Combate a Sífilis, a mesma data do Dia Nacional contra esta doença. Os organizadores realizarão testes rápidos de HIV, HCV, Sífilis e HBsAG, entrega de preservativos, panfletos. De acordo com a coordenadora de DST/AIDS e Hepatites Virais da Secretaria de Saúde de Augustinópolis, os sintomas da sífilis adquirida podem variar de erupções na pele, febre e queda de cabelo, podendo até mesmo causar, quando não tratada, problemas cardiovasculares e complicações ósseas.
Ainda, que a maioria das pessoas com sífilis tende a não ter conhecimento da infecção, principalmente no período de sífilis latente, quando não se observa nenhum sinal ou sintoma clínico da doença. No entanto, mesmo durante essa fase, pode-se transmitir a infecção aos parceiros sexuais.
Dessa forma, a principal maneira de prevenir a sífilis é fazer uso do preservativo, seja ele masculino ou feminino. “É importante ressaltar que em todas as relações sexuais (anal, vaginal e oral) deve-se utilizar o preservativo”, ressalta a coordenadora.Gestantes com sífilis que não façam o tratamento poderão transmitir a doença ao bebê durante a gravidez ou no momento do parto. Dentre as complicações provocadas estão: possibilidade de nascimento prematuro, baixo peso ao nascer, pneumonia, anemia, má-formação e até o acometimento cerebral, podendo levar à morte.
Por isso, a importância da realização do exame pré-natal logo no início da gestação e conforme recomendado pelo Ministério da Saúde. “Para o combate à sífilis congênita, é importante realizar os exames no pré-natal da gestante. É através destes exames de rotina, do tratamento adequado da gestante e do parceiro que torna-se possível a prevenção da infecção no recém-nascido”.

Anexos:Não Existem Anexos cadastrados para esta Noticia.
Video Destaque